Gincana Cultural do IDB: um hino de louvor a Teresina

IMG-20160814-WA0013Há trinta e três anos, em todos os dias 16 de agosto, a capital do Piauí acorda ao som dos gritos de guerra das Equipes participantes da Gincana Cultural“Teresina, Meu Amor”. São muitas histórias, temas e pessoas envolvidas em anos de evento, que tornou-se o mais aguardado por todos os alunos, antigos alunos, pais, professores e funcionários do Instituto Dom Barreto.

Em um simples gesto, buscando homenagear e expressar seu amor por Teresina, cidade que lhe acolheu com respeito, acalento e onde fez grandes amizades, o professor Marcílio Rangel criou a Gincana Cultural com o nome da nossa capital, chamando-a carinhosamente de “Meu Amor”. Não existem dúvidas de que, mesmo nascendo na Paraíba e carregando consigo um sotaque da região, Marcílio sentia-se verdadeiramente teresinense.

A diretora do IDB, professora Stela Rangel, afirma que o evento é uma expressão cultural que emana emoção. “Achamos que a Gincana Cultural: Teresina, Meu Amor, nos seus trinta e três anos, tornou-se um hino de louvor à capital do Piauí. A cada ano, temos assistido no dia 16 de agosto a uma programação variada de expressões culturais vivida por teresinenses de várias idades que usam o melhor de suas emoções para cantar e festejar, a seu mando, o aniversário de Teresina. Dá gosto participar desse evento e constatar, a cada ano, quanto Teresina é amada pelos filhos que participam da Gincana ‘Teresina, Meu Amor’. Que esse canto continue ecoando por muitos e muitos anos”.

Apesar das brincadeiras, das tarefas executadas e da diversão envolvida nos dias que antecedem e no próprio dia o evento, a Gincana Cultural exerce bem seu papel no sentindo de educar, interagir e integrar o processo pedagógico a uma dimensão cultural e cidadã, baseando-se na afetividade e na solidariedade entre os participantes. Além disso, é uma oportunidade de colocar em prática os conteúdos das disciplinas ministradas em sala de aula, estimulando, além do aprendizado, a autoestima, a socialização entre os integrantes da comunidade escolar, como professores, alunos, funcionários, equipe pedagógica e direção, o senso de coletividade e o respeito às diferenças.

Todo ano um tema é escolhido para ser trabalhado, dando vida as tão aguardadas Tarefas Especiais e Normais. Diante do tema, os alunos estudam, fazem pesquisas, buscam referências para colocar em prática as ideias e transformar sonhos em realidade. Anualmente, os brilhantes amanhãs se superam. É um espetáculo, uma verdadeira festa! O espírito de coletividade, de união e força de vontade faz-se presente na comunidade dombarretana.

O maior evento do IDB não poderia deixar de movimentar uma equipe de profissionais de diversas áreas, preparados e treinados, para auxiliar, no dia 16 de agosto, em todas as tarefas executadas. Neste ano, cerca de cento e sessenta pessoas participaram ativamente trabalhando, em equipes, nas áreas da Saúde, Supervisão, Apoio, Direção, Educação Física, Comunicação e Informática (Escrutinadores). A Gincana conta também com a Comissão Organizadora do evento, uma equipe de professores, diretores e funcionários, que fica responsável por escolher o tema, elaborar provas, regulamento, e cuidar dos detalhes minuciosos do evento, para que tudo saia perfeitamente como o planejado.

Todos os trabalhos desenvolvidos durante a gincana são feitos com capricho, afinco e dedicação, onde os talentos podem ser exteriorizados de várias maneiras. É o que acontece com nossos alunos, sempre nos orgulhando! A gincana é um forte momento de união de toda a comunidade, dos alunos, pais e toda a escola, onde aprendem brincando, superam limites e aproveitam e comemoram também o aniversário da nossa amada capital.

Paz e Bem!