Dombarretanos são premiados na Etapa Estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica, em Parnaíba

Durante os dias 20 e 21 de setembro, os alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio, do Instituto Dom Barreto e da Escola Madre Maria Villac, estavam imersos nas competições da Etapa Estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) 2019, realizada em Parnaíba. Mais de quarenta alunos participaram da competição representando as escolas na modalidade prática da OBR.

Nesta modalidade é exigido um desafio. Ela caracteriza-se por simular um ambiente real de desastre onde o resgate das vítimas precisa ser realizado por robôs. Assim, os alunos tinham que construir um robô completamente autônomo, ou seja, sem controle remoto, capaz de navegar por um terreno acidentado, localizar vítimas e resgatá-las. Toda a movimentação do robô tinha que ser realizada em áreas delimitadas, representando o ambiente simulado de um desastre. O robô precisa ser ágil para superar terrenos irregulares (redutores de velocidade); desviar de escombros (obstáculos) e subir montanhas (rampas) para conseguir salvar as vítimas (bolas de isopor revestidas de papel alumínio ou pintadas de preto), transportando-as para uma região segura (área de resgate).

A modalidade prática possui três níveis distintos: o Nível 0 (para estudantes de 1º a 3º Anos do Ensino Fundamental), o Nível 1 (para estudantes do 1º ao 3º Ano do Ensino Fundamental) e o Nível 2 (para estudantes do 8o e 9o Ano do Ensino Fundamental e todo o Ensino Médio). No primeiro dia (20/9), competiram os alunos que disputaram na modalidade Nível 1. No segundo dia (21/9), os alunos dos Níveis 0 e 2 entraram na disputa. Nossos brilhantes destacaram-se e conquistaram medalhas e ótimas colocações no evento deste ano.

No Nível 0, os estudantes do 1º e 2º Ano do Ensino Fundamental das aulas extracurriculares da Tron conquistaram a medalha de 1° e 2º lugares. Receberam medalhas de 1º lugar os alunos João Pedro Viana Cardoso, Daniel De Castro Amorim Serra Brandão, Alice Vieira Mendes e Valentina Leal Monte. As medalhas de 2º lugar foram para os dombarretanos João Pedro Santos Loureiro, Davi Martins De Sousa, Ângelo Aragão e Thiago Medeiros Nunes Ibiapina.

Já os alunos João Vitor Almeida, Ivan Álvares, Davi Gerlie e Vinícius Ferreira, do 8º Ano do Ensino Fundamental, conquistaram a medalha de 2º lugar, no Nível 1, e os alunos Giovanna Rodrigues, Renata Freire e Arthur Henrique, que disputaram pelo Nivel 2, receberam as medalhas de Inovação.

O objetivo da OBR é tornar o país um forte protagonista das transformações tecnológicas do futuro, capacitando nossos estudantes com a robótica desde seus primeiros anos de vida.

A Robótica é uma área extremamente motivadora e que deve semear o desenvolvimento tecnológico no Brasil e no Mundo nos próximos anos. Proporcionar aos estudantes de hoje um contato com essa tecnologia pode retirá-los da condição de meros usuários de tecnologia e abrir a perspectiva de torná-los desenvolvedores tecnológicos nas próximas décadas, além de elevar o país e sua juventude a patamares de grandeza comparáveis aos demais países desenvolvidos do mundo. Parabenizamos nossos alunos pelo desafio aceito e pelas conquistas nessa etapa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *