O Discurso do Rei – 2010

O-discurso-do-rei“The King’s Speech” (O Discurso do Rei) é um filme britânico de 2010, escrito por David Seidler, dirigido por Tom Hooper, e estrelado por Colin Firth, Geoffrey Rush e Helena Bonham Carter. Ele conta a história do rei George VI, que desde os 4 anos, é gago. Este é um sério problema para um integrante da realiza britânica, que frequentemente precisa fazer discursos.

George procurou diversos médicos, mas nenhum deles trouxe resultados eficazes. Quando sua esposa, Elizabeth, o leva até Lionel Logue, um terapeuta de fala de método pouco convencional, George está desesperançoso. Lionel se coloca de igual para igual com George e atua também como seu psicólogo, de forma a tornar-se seu amigo. Seus exercícios e métodos fazem com que George adquira autoconfiança para cumprir o maior de seus desafios: assumir a coroa, após a abdicação de seu irmão Eduardo VIII e fazer um importante discurso no rádio no começo da Segunda Guerra Mundial.

O filme inclui citações extraídas dos diários de Logue, que foram descobertos nove semanas antes do início das filmagens, a tempo de serem incorporados ao roteiro. As filmagens começaram em dezembro de 2009 e terminaram em janeiro de 2010. O filme foi distribuído de forma limitada nos Estados Unidos em 26 de novembro de 2010, antes de receber um lançamento geral em 10 de dezembro do mesmo ano. Ele foi aclamado pela crítica por seu estilo visual, atuação e direção. A rainha Elizabeth II assistiu ao filme e disse ter ficado “emocionada” pela interpretação que Firth fez de seu pai.

O Discurso do Rei ganhou sete prêmios BAFTA e quatro Oscars, sendo eles melhor filme, melhor diretor para Tom Hooper, melhor ator para Colin Firth como George VI e melhor roteiro original.

Paz e Bem!