Alunos do 7º Ano realizam trabalho com gráficos sobre “As condições socioeconômicas do Brasil”

Buscando complementar e aprofundar o conteúdo em sala de aula e promover a integração, os alunos do 7º Ano do Ensino Fundamental participaram, na disciplina de Geografia, do projeto “As condições socioeconômicas do Brasil: Uma leitura a partir de gráficos”, idealizado pelas professoras Catarina Santos e Vera Regina Craveiro.

O objetivo geral do projeto é compreender as condições socioeconômicas da população brasileira, na atualidade, a partir dos gráficos, já que o Brasil é um país que apresenta em seu território grandes disparidades socioeconômicas. Por isso, algumas áreas são mais privilegiadas quanto aos aspectos naturais e políticas de investimento em infraestrutura, fator que promove um processo industrial mais avançado em determinadas regiões.

Para se analisar as desigualdades socioeconômicas no território brasileiro, pode ser feito um estudo através de mapas, tabelas, fotografias, maquetes e gráficos. Nesse sentido, os gráficos serão utilizados como recursos para uma melhor compreensão e atualização dos dados estatísticos referentes aos temas trabalhados na atividade.

Os alunos fizeram pesquisas bibliográficas e montagem dos trabalhos. Desta forma, durante o trabalho, os estudantes identificaram as condições da população brasileira em relação a fatores, como: a distribuição espacial pelo território nacional; o declínio na taxa de fecundidade no decorrer das últimas décadas; a evolução na expectativa de vida; o processo de redução na taxa de mortalidade geral; além de também apresentar informações sobre as condições da população brasileira, no tocante ao mercado de trabalho.

Os critérios avaliados foram: tema trabalhado, originalidade e criatividade, estética da produção gráfica e apresentação. O trabalho em sala de aula foi realizado com formação de equipes. A professora responsável pelo projeto, Catarina, afirmou que o trabalho revelou talentos, até então desconhecidos, de muitos alunos, como, por exemplo, espírito de liderança, tomada de decisões e organização de tarefas.

Os dombarretanos entregaram os trabalhos e realizaram suas atividades de forma organizada e foram avaliados de forma positiva pelas professoras.