Dia da Liberdade de Pensamento

796086ab-96fd-4202-a652-536f7079aba2No dia 14 de julho comemora-se o Dia da Liberdade de Pensamento, data que marca o início da Revolução Francesa com a Queda da Bastilha. Em agosto de 1789, a França em Assembleia Nacional Constituinte aprovou a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, onde foram definidos direitos e garantias fundamentais do ser humano.

Esta data celebra um dos princípios mais importantes da Declaração Universal dos Direitos Humanos: a liberdade de pensamento. A liberdade de pensamento é a garantia que o indivíduo possui de manter e defender a sua ideia ou posição em relação a um fato ou um ponto de vista.

O artigo 18 da Declaração Universal dos Direitos Humanos, promulgada pela ONU (Organização das Nações Unidas) em 10 de dezembro de 1948, explica:

“Toda pessoa tem direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pela observância, isolada ou coletivamente, em público ou em particular.”

O artigo 19 da mesma declaração diz: “Todo homem tem direito à liberdade de opinião e expressão; este direito inclui a liberdade de, sem interferências, ter opiniões e de procurar, receber e transmitir informações e ideias por quaisquer meios e independentemente de fronteiras”.