Equipes Kairós e Uh Boom Tum estão prontas e unidas para a Gincana IDB 2016

A Gincana Cultural do IDB é um dos eventos mais esperados do Instituto Dom Barreto.

Todos os anos as equipes arregaçam as mangas e surpreendem a todos com muita criatividade, desenvoltura e performance na execução de cada prova. As duas equipes, Kairós e Uh Boom Tum, carregam histórias espetaculares e trazem muito amor em cada detalhe de suas composições.

Os nomes das equipes, por serem diferentes, já causam curiosidades em todas as pessoas. E esses nomes não foram escolhidos à toa!

Maria Luzia, coordenadora da equipe Uh Boom Tum, nos conta que existe uma história muito legal para a escolha desse nome e que tudo é escolhido com pra fazer sentido.

“O nome verdadeiro é ubuntu, uma filosofia de vida africana. Um arqueólogo pegou uma cesta de doces e fez uma proposta para crianças africanas: elas disputariam pela cesta, quem chegasse primeiro ficaria com todos os doces, mas os pequenos se recusaram a competir, juntaram as mãos e foram juntos, correram juntos e ganharam juntos. Essa filosofia tem como principal ideia” “eu sou, porque nós somos”, representa empatia! Diante disso, resolvemos brincar com o nome através de onomatopeias, assim como “unidunitê”: UH BOOM TUM, cada sílaba tem um significado especial”, explica.

Sobre o significado das sílabas, ela completa: “UH é aprender com a cabeça, o som da surpresa ao fazermos uma descoberta. BOOM é o som do choque dos corpos quando brincamos, é o contato com o outro. TUM, é tu, tu e eu, ou seja, que precisamos sempre do outro e a batida dos nossos corações que acelera em cada nova experiência, especialmente na nossa Gincana”, ressalta.

A equipe Kairós também tem muitas histórias. E quem nos explica isso é a presidente da equipe, Paula Catarina, que aproveita para ressaltar que Kairós é o tempo da oportunidade, é único. Cronos é o velho, tirano e ditador. Kairós é o jovem ágil, é impossível alcançá-lo, já que oportunidades são únicas. Elas passam de modo que nem as vemos.

“Tantos anos para relacionar o tempo com a alegria. A passagem do tempo, com repassar alegria. O senhor tão bonito com a vontade de (re)viver, porque “mudam-se os tempos, mas não as vontades e os sentimentos. Eles são os mesmos desde a Grécia. A forma de ver o tempo não mudou muito: Cronos, o sequenciado, temido e linear que calculamos e cada vez mais cedo chega para todos. Kairós, indeterminado, pois só existe quando algo especial acontece. Enchemos, até transbordar, nossas vidas de Cronos. Onde ficou nosso Kairós? Ficaram nos momentos que não queremos esquecer: colecionamos memórias brincando da nossa brincadeira mais séria. Quando não é preciso apagar a luz: eu fecho os olhos e tudo vem. Quantos de nós nos descobrimos em um piscar de olhos? Nos descobrimos no outro, sem perceber – Afinal… “O essencial é invisível aos olhos”, explica.

Juntos para vencer!

As duas equipes estão fortes e seguras em fazer o melhor para conquistar o título de vencedora deste ano. A Gincana Cultural é um evento que envolve não só os alunos e professores, mas toda a família dos brilhantes, os antigos alunos e a comunidade dombarretana num clima de competição e amor.

Apesar de buscarem um mesmo objetivo, o perfil das equipes são bem parecidos quando o assunto é união e foco.

A equipe Kairós está determinada a fazer história na XXXIII Gincana Cultural “Teresina, Meu Amor”. A presidente afirma: “Estamos lutando pela terceira vitória”.

“Esse ano é o ano do tri, depois de ganharmos 2 anos seguidos, estamos lutando pelo terceiro, o que nunca aconteceu na Gincana. Esse ano estamos trabalhando muito, mas sem perder a brincadeira e a amizade que une nossa equipe. Somos, realmente, uma família, que chora, ri, comemora e sonha junto. Como em toda família, existem discussões e contratempos, mas, no final, tudo se resolve. Vivemos juntos essa loucura, que ninguém de fora entende, mas que se torna a parte principal da nossa vida enquanto dura”, conta.

E a equipe Uh Boom Tum também está com uma garra enorme e conta com uma equipe unida e determinada a vencer. A coordenadora nos conta que a união da equipe é um diferencial.

“Nossa equipe está cada vez mais unida. A prova de domingo demonstrou isso, mostramos que quando queremos fazer algo conseguimos, cada um foi muito importante para concretizarmos nosso projeto! É uma equipe maravilhosa, todos muito empolgados e dispostos a ajudar”, finaliza.

E você, já escolheu para quem irá torcer nessa Gincana?!

Independente da sua escolha, o nosso lema é: Paz e Bem!