Projeto “Dicionário Capionguês” envolve alunos do 5º Ano do IDB

Os alunos do 5º Ano do Ensino Fundamental participaram do projeto “Dicionário Capionguês”, que tem por objetivo apresentar as expressões típicas do sertão nordestino. O projeto, que faz parte das atividades da disciplina de Português, culminou em encenações das mais variadas formas, e envolveu todos os alunos.

O projeto baseou-se no livro “O mistério do Capiongo”, de Joaquim de Almeida, cujo gênero é conto de mistério, e a história se passa em Patos, no sertão da Paraíba. De acordo com a professora de português Rossimara Assis, o projeto foi um sucesso e surpreendente.

“Nosso objetivo foi fazer com que os alunos conhecessem as expressões típicas do sertão, explorando o regionalismo, conhecendo a cultura e o modo de falar bem diferentes dos deles, e, assim, passar a respeitar as diferenças, não tendo preconceito com a variedade linguística. Trabalhamos com eles as diversas variedades linguísticas e enfatizamos que elas dependem de vários fatores: nível de escolaridade, social, econômico, idade e cultura”, disse.

Para o aluno Luís Eduardo, do 5º Ano C, o projeto foi maravilhoso e muito prazeroso. “Esse projeto foi muito legal, porque como a gente sempre está ligando à tecnologia, acabamos esquecendo muitas coisas legais, e com o projeto, a gente pôde aprender sobre o sertão, que é típico da nossa região. Aprendemos muitas palavras novas, e conhecemos um pouco da nossa história”, explica.

Já para a aluna Evelyn Maria, do 5º C, o que mais chamou atenção no projeto foi a descoberta de novas coisas. “Eu gostei muito de participar desse projeto, porque valoriza o sertanejo, e outras profissões antigas como o próprio capiongo, o vaqueiro, que são as pessoas que cuidam do campo, e que possuem histórias muitas vezes sofridas. Antes do projeto, eu nunca tinha ouvido falar na expressão capionguês, e a professora foi nos explicando tudo de uma forma muito interessante”, conta.

A proposta do projeto começou com pesquisas de expressões regionalistas presentes no livro e, a partir daí, os alunos escolheram 5 delas para apresentarem seu significado. Os alunos capricharam na criatividade, eles encenaram, usaram camisetas com as expressões, fizeram slides, desenhos, maquetes e até um talk-show.

Paz e Bem!